CHAMADA EXTRA 2019

Caros amigos associados da Asuplama, nesta semana fomos notificados pelo Corpo de Bombeiros e também pela Marinha.
A notificação da Marinha foi a partir de uma denúncia de uma pessoa em Tramandaí, dizendo que a Plataforma joga o esgoto sanitário ao mar, sem nenhum tratamento.
Esta semana levarei a nossa documentação e proposta de tratamento de nosso esgoto e acredito que não haverá alteração da notificação para autuação. Já com relação ao Corpo de Bombeiros a situação é bem diferente.
Fomos notificados para corrigir nossas muretas deixando as mesmas com 1,05 cm de altura mínima e sem nenhum espaço maior que 15 cm nas mesmas.
Nosso prazo para correção é de 30 dias sob pena de interditarem a plataforma até a conclusão dos trabalhos.
A plataforma vinha numa fase de recuperação de suas perdas, pois em 2018 fechamos o ano com cerca de R$ 50.000,00 em contas atrasadas junto ao INSS.
Já nos primeiros dias do ano, aproveitando a entrada de recursos, sendo que essa dívida foi reduzida para R$ 30.000,00 e nossa expectativa era de saldar esse débito em menos de 30 dias.
Agora com essa necessidade de executar essa obra, somos obrigados a tomar medidas pouco simpáticas aos nossos sócios. Ontem a nossa Assembleia aprovou por unanimidade a cobrança de 3 chamadas extras de R$ 100,00 cada (a partir de fevereiro) e reajustando a mensalidade para R$ 100,00 assim que as chamadas forem pagas, ou seja, em Maio. A chamada extra é por título, mesmo para quem possui título remido.
Ficam dispensados os títulos diamante e cortesia. Reajustamos também o valor do ingresso de pesca de R$ 40 para R$ 50....
Os serviços de correção já foram negociados e autorizados e começaram já nesta segunda. Abrimos também espaço para quem quiser doar algum item necessário para a obra. Basta chegar na portaria e registrar  a doação.
Já temos doado 1000 tijolos e 20 sacos de cimento, 2m de brita, 2m de areia, pranchas de 20, pregos, etc. Como medida para valorizar o grupo que está em dia com a Plataforma, estabelecemos que a partir do final de fevereiro, não será mais possível restabelecer títulos em atraso pelo valor de R$ 300,00.
Qualquer recuperação de sócio passará a ser necessário pagar todos os valores em atraso que se acumularão a partir de 01/01/2019.....

Sabemos que as medidas não são simpáticas, porém acreditem que são necessárias e urgentes..... Obrigado a todos e, por favor, não abandonem nossa Plataforma.

 

José Luís Rabadan
Presidente

 

 

 
 

Desenvolvido por